Querido Diário…

Ontem foi o aniversário do meu namorado, ele mora à duas ruas da minha casa, então aproveitei para usar o meu maior salto, afinal, ele é 30cm mais alto que eu. Ele adora um bom vestido justo, então escolhi um pretinho básico que ficava um pouco acima do joelho. Passei um batom vermelho não muito escuro e sai de casa às 18:50h. Passei pelo portão da minha casa e logo vi minha vizinha mais fofoqueira me olhando com desprezo. Na hora não sabia o porquê daquele olhar, mas quando voltei logo descobri.

Voltei para casa às 02:00h da manhã. O combinado era eu dormir lá, mas a minha adorável sogra resolveu ligar dizendo que estava com saudades e que iria ficar chorosa caso ele não fosse vê-la. Sinceramente, não sei qual o problema dessa mulher comigo. Enfim, quando eu estava voltando para casa, lá estava ela novamente. Minha vizinha. Me olhando com uma cara ainda pior de quando fui. Não sei o que uma mulher de 40 anos, casada e mãe de uma filha estaria fazendo na rua em plena madrugada, mas minha mãe me deu uma boa educação e mesmo com aquele olhar feroz, fui cumprimenta -lá.

– Boa noite, dona Lúcia.                                                                                                              

– Que noite, garota? Já são duas da manhã.                                                                              

– Certamente. Bom, vou indo. Bom resto de madrugada então.                                              

 – Na minha época as prostitutas trabalhavam até de manhã, agora vocês só trabalham até metada da madrugada, né? (risos) Parece que as casadas estão dando um jeito nos seus cônjuges finalmente.

Minha noite já estava uma maravilha, depois de ouvir isso então… Tudo bem, ela é mais velha, mas não podia deixar aquele comentário por aquilo mesmo. Então me forcei a virar com um sorriso no rosto e voltei a falar.

-Desculpe, o que a senhora disse?                                                                                              

 – Você me ouviu muito bem, garota. Ou você acha que engana alguém vestida desse jeito? Se ao menos não estive usando um batom vermelho…                                                            

 – O jeito que eu me visto não diz respeito à senhora. Muito menos o tipo de mulher que eu sou.                                                                                                                                          

 – Qualquer um sabe que mulheres que usam vestido curto, batom vermelho e andam por aí uma hora dessas é puta.

Nesse hora essa mulher passou de todos os limites, pelo amor.

– Não que eu deva alguma satisfação para a senhora, mas eu estava na casa do meu namorado. Como eu já disse, vestimentas não caracterizam em nada as pessoas. O que mais existe por aí são mulheres usando roupas até o pé mas não são nada daquilo. Exemplo sua filha que com 14 anos já está grávida e nem sequer sabe quem é o pai. Isso porque se a senhora perdesse o tempo livre que a senhora tem cuidando da sua filha ao invés de tomar conta da vida dos outros, talvez isso não teria acontecido. Mas todo o domingo ela estava lá na igreja se fingindo de santa e para a senhora isso já era o suficiente. Ah, ela também não usava batom vermelho. Não, é?

 -Exemplo é a senhora que mesmo sem maquiagem alguma já traiu seu marido com a cidade toda. E olha só, sem nem cobrar um tustão dos marmanjos. Engraçado que mesmo tendo tudo isso nas costas, a senhora ainda tem a capacidade de me chamar de puta simplesmente por estar usando uma roupa curta e batom vermelho quando o que me chamou se aplica à senhora mesmo sem usar nada nisso.

Ok, posso ter pegado pesado, mas ela mereceu. O melhor foi ela ter ficado sem reação e entrado sem dizer mais uma palavra. Nunca imaginei um dia passar por uma situação desse tipo, Diário. Me entristece o modo como a sociedade hoje em dia julga tudo e todos hoje em dia, principalmente as mulheres, por coisas tão pequenas quanto um batom. Mas enfim, só me resta torcer para que situações como a que eu passei hoje um dia acabem.       Boa noite, diário.

 

Anúncios

Autor e seus livros.

Heyyy, people 😉

Tudo bem com vocês? Bom, esse será um novo quadro aqui no blog que será postado toda semana. O objetivo é vocês conhecerem os autores que já me dispus a ler suas obras e mostrar dois livros do mesmo, um que eu indico, e o outro que me deu sono, e um pouco mais sobre quem escreveu. Espero que gostem 😉

Autor de hoje: John Green.

John Green nasceu em Indianapolis, filho de Mike e Sydney Green , mas a família dele mudou-se 3 semanas depois de seu nascimento para Orlando, Florida. Ele frequentou a “Lake Highland Preparatory School” e depois a “Indian Springs School” (escola usada como cenário do livro Looking for Alaska) e se formou pelo Kenyon College em 2000 com diploma duplo: em Inglês e Estudos Religiosos. Ele já falou sobre sofrer bullying na adolescência e como isso tornava a vida dele infeliz.

Livro que indico: O Teorema Katherine.


Me fez rir do inicio ao fim<3

Sinopse: Se o assunto é relacionamento, o tipo de garota de Colin Singleton tem nome: Katherine. E em se tratando de Colin e Katherines, o desfecho é sempre o mesmo: ele leva o fora. Já aconteceu muito. Dezenove vezes, para ser exato. Depois do mais recente e traumático término, ele resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e um melhor amigo bem fora de forma no banco do carona, o ex-garoto prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar pés na bunda, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, através da linguagem universal da matemática, o desfecho de qualquer relacionamento antes mesmo que as duas pessoas se conheçam. Uma descoberta que vai mudar para sempre a história amorosa do mundo, vai vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevará Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera.

Livro que me deu sono: A Culpas é das Estrelas.

Até que não posso reclamar, ele curou minha insônia por 1 semana ;o

Sinopse: Os adolescentes Hazel e Gus gostariam de ter uma vida normal. Alguns diriam que não nasceram com estrela, que o mundo deles é injusto. Os dois são novinhos, mas se o câncer do qual padecem ensinou alguma coisa, é que não há tempo para lamentações, pois, se aceitamos ou não, só existe o hoje e o agora. E assim, com a intenção de realizar o maior desejo de Hazel – conhecer seu escritor favorito – ambos cruzarão o Atlântico para uma aventura contra o tempo, tão catártico quanto devastador. Destino: Amsterdam, o lugar onde reside o enigmático e mal-humorado escritor – a única pessoa que talvez possa ajudar-lhes a encaixar as peças do enorme quebra-cabeça onde se encontram.
 Minha opinião: Ninguém pode negar que o Tio Verde é o queridinho das adolescentes atualmente menos o meu , a escrita dele realmente é boa. Porém, não consigo gostar dos enredos dele, tanto que o único livro dele que amoo é o Teorema. Ainda falta mais dois dele para eu completar minha coleção.
Por hoje é só, beijos ❤
Fonte: John Green

 

 

 

 

 

 

Eu Te Amo.

Eu achava o pôr do sol a coisa mais linda
Até conhecer você
Hoje não tem nada mais belo
Do que o seu sorriso
Eu achava frango frito a coisa mais gostosa
Até ver as suas covinhas
Vi que elas eram muito mais
Eu achava que não poderia ter coisa melhor
Do que ouvir música
Até que ouvi a sua voz e a sua gargalhada
Hoje sou viciada nelas como um alcoólatra com sua cachaça
Eu achava que não poderia ter coisa melhor
Do que ser aquecida por um belo edredom
Hoje dou tudo para ser aquecida no calor do teu abraço
Eu achava que não poderia haver algo mais doce que mel
Hoje tenho certeza que seu beijo é muito mais
Eu achava que não poderia haver amor tão grande
Até que conheci você e senti
Hoje agradeço por ter você na minha vida
Meu melhor presente meu amor
Eu te amo

Hey, people. Finalmente tomei vergonha na cara e decidi dar uma organizada no blog, agora os posts serão segunda, quinta e sábado. Anteontem completei 1 ano e 5 meses com o meu amor e fiz alguns textos para ele dentro quais, um deles vocês acabaram de ler.
Ps: Não é um poema.
Ps 2: Contém piada interna.

Assim como ele, espero que gostem xD
Beijos💕

Publicado do WordPress para Android

Desenhos da Infância (Cartoon Network)

Ok ok, eu não sou nenhuma adulta para falar sobre isso, mas já vou fazer 16 anos e os desenhos de hoje em dia são bem diferentes dos que eu assistia quando criança…

1- Coragem, O Cão Covarde

image

Eu simplesmente AMO esse desenho, sem mais. Muita gente que eu conheço diz ter medo ou odiar esse desenho, minha mãe já chegou a me proibir por de ver por não gostar mas eu adoro essas coisas “obscuras” e impossível para mim não amar o Coragem. Um desenho que à forma dele, mostra como devemos fazer o possível e impossível por aqueles que amamos, protegendo – os dos piores monstros e pessoas mesmo que isso signifique assumir um risco de vida.

2- A Vaca e o Frango.

image

Um desenho completamente idiota, mas que com toda a certeza eu não poderia deixar de fora, assistia sempre que passava ❤

3- Johnny Bravo

image

Sem comentários para este hehe.

4- O Laboratório de Dexter

image

Quem nunca quis ser um cientista vendo este? Haha.

5- Du, Dudu e Edu.

image

Ah, esses três. Morro de amores, amava as cenas em que colocavam aqueles doces em forma de bola na boca ficando com as bochechas enormes xD

E ai, gostaram? Esses são só alguns que fizeram parte da minha  infância e de alguns de vocês também com certeza. Falar deles me deu uma sensação nostálgica maravilhosa💕
Querem continuação? Deixem nos comentários, beijos 😉

Publicado do WordPress para Android

Lado ruim de amar.

Incrível a capacidade de, ao mesmo tempo a pessoa ser capaz de transformar uma hora de tristeza num momento de alegria, e  de um segundo para outro fazer o inverso com tanta facilidade. Incrível a capacidade que a pessoa tem de partir seu coração em milésimos e segundos depois colar de volta todos os pedacinhos como se nada tivesse acontecido, só para partir – lo novamente.

Publicado do WordPress para Android

Vida.

Eu sigo a minha vida
Cantando e dançando
Pois assim sou feliz
Mas não demora muito
E já estou me decepcionando
Mas tudo bem…
A vida não perderá seu encanto
Enquanto isso, fico num canto
Imaginando se algum dia talvez
Ganharei um maltês 🙂

Sorry, gente. Não tenho a menor ideia do que rime com “talvez”, por isso não levem esse poema a sério, levem no humor 😉

Publicado do WordPress para Android

Futuro.

Antes do post em si, quero dizer que viajarei e vou ficar longe de vocês por 1 semana (Ahhh), ou seja, sem posts :c. Então até semana que vem, beijos!

Meu amor
Te conhecer foi a melhor coisa
Que pôde me acontecer
Hoje, graças a você
Sou feliz de verdade
Um amor puro
Sem maldade
Sei o quanto é difícil
Essa maldita distância…
Mas, por favor
Não me deixe
Isso é só uma fase
Porque o futuro se aproxima
E ficarmos juntos
Logo se tornará realidade

Publicado do WordPress para Android

Top 5: Séries.

Hey, people

Já comentei aqui como sou viciada em séries,e assisto mais de 20 (também não sei como arranjo tempo para tantas) então hoje vocês irão conhecer as minhas 5 favoritas. Depois me contem as de vocês.

1- Supernatural.

  Atualmente, a série tem 11 temporadas incríveis. De longe, é a melhor série da atualidade (a minha, inclusive) concorrendo com The Walking Dead entre os fãs.

Gênero: Drama/ Terror/ Fantasia. Sinopse: Desde que era pequeno, Sam Winchester tentava escapar do próprio passsado. Após a misteriosa morte de Mary, o pai de Sam passou a procurar vingança contra as forças do mal que mataram a esposa, destruindo qualquer ser maligno que cruze o seu caminho. Ao contrário de Sam, Dean, irmão mais velho, sempre quis seguir os passos do pai. Sam está determinado a se livrar do “negócio da família”, mas sua vida está prestes a tomar os rumos que ele não desejava, quando ele fica sem escolhas a não ser unir-se ao irmão.

2- Bones.

  Essa foi a série que me deu a porta de entrada no mundo das séries. Além de ser maravilhosa, grande concorrente de CSI, mas na minha opinião, muito melhor. Minha xodó<3 Também com 11 temporadas.

Gênero: Drama/ Policial.  Sinopse: A antropóloga forense Dra. Temperance Brennan trabalha no “Jeffersoninan Institute”, em Washington. Junto ao FBI, ela acompanha investigações de casos de assassinatos envolvendo restos mortais das vítimas, especialmente seus ossos. O Agente Especial Seeley Both, arrogante porém charmoso, é quem trabalha com ela dentro da Agência de Investigação. A série explora, assim, além dos casos de assassinatos, as origens das relações entre os personagens e uma amizade – e possível romance – entre Booth e Brennan.

3- American Horror Story.

 

 Essa infelizmente também só tem 1 e foi cancelada. Fiquei viciada logo nos primeiros minutos, é também spin off de Once Upon A Time, outra ótima série que assisto. Você nunca mais verá os famosos contos de fada do mesmo jeito depois de assistir essas duas séries.

Gênero: Aventura, Drama, Fantasia.  Sinopse: Ambientada na Era Vitoriana Inglesa, a jovem e bela Alice conta a história de uma terra muito distante que existe do outro lado da toca do coelho. Um gato invisível, uma lagarta fumante e cartas de baralho animadas são apenas alguns dos fantásticos seres que habitam este lugar incrível. Os médicos acreditam que Alice está maluca e a submetem a um tratamento que a fará esquecer todo esse universo. Mas no fundo ela sabe que este lugar é real, e está disposta a não esquecê-lo.

 

 

 
Beijos💕

Amor&Dor

Acho que estou cansando
Pelo jeito, estou mudando
Cade aquela alegria que eu sentia antes?
Acho que se transformou em..
Onde está aquele amor?
Ah… Se transformou em dor…
Por favor, me diz quando isso vai acabar
Quero te encontrar
Quero te beijar
Quero me perder nos seus braços
Quero o calor do seu abraço
Quero uns amassos
Mas será que você é mesmo real?
Posso provar? Deixa eu te tocar..
Vem logo me amar

Publicado do WordPress para Android

Tv Show Time: Guia de Séries.

image

Hey, people. Hoje vim mostrar para vocês um App que uso para organizar as minhas séries. Meu perfil está aqui em cima para quem quiser me seguir 🙂

TVShow Time é o aplicativo que você precisa se for viciado em séries.
Comece a acompanhar e comentar suas séries com facilidade.
Funcionalidades :
– calendário personalizado de suas séries (com contagem regressiva da estreia de episódios)
– notificações push quando um episódio está disponível
– faça comentários com uma comunidade de 500.000+ fãs de séries
– encontre rapidamente onde parou na suas séries
– reproduza episódios de sua série via WEB
Espero que tenham gostado da dica, beijos💕
Me segue no TVShow Time – Disponível no iPhone e Android

Publicado do WordPress para Android